Notícias
Manoel Flores faz balanço da Copa do Brasil 2016
Recorde de jogos, público e grandes emoções até o apito final. A Copa do Brasil chega ao fim coroando o quinto título do Grêmio na competição, o maior campeão do torneio. Nas arquibancadas, um show à parte: a torcida do Tricolor Gaúcho quebrou o recorde de público na Arena do Grêmio, com 55.337 pessoas presentes. Diretor de Competições da CBF, Manoel Flores celebrou os 180 minutos finais da competição e fez uma avaliação do torneio. – Foi uma decisão muito emocionante, ainda mais tendo duas forças do nosso futebol brasileiro. Foi aguerrido. Uma final digna das duas equipes, com dois jogos tensos, nervosos e que engrandecem ainda mais o torneio. A gente fica muito satisfeito com o resultado da competição e a visibilidade que ela proporciona, um torneio que está em linhas de crescer ainda mais em 2017, de ser ainda mais forte. A Copa do Brasil já habita o imaginário do torcedor brasileiro e todos almejam esta taça. Neste ano, os seguidores do Grêmio comemoram e já estamos ansiosos para conhecer qual clube levantará esta taça na próxima temporada. Flores promete uma campeonato ainda mais disputado na próxima edição. – A Copa do Brasil 2017 sofreu algumas mudanças, conforme já havíamos comentado, tendo jogos únicos nas duas primeiras fases do torneio, além da entrada dos campeões da Copa do Nordeste, Copa Verde e da Série B nas oitavas de final. Esperamos que estas mudanças promovam grandes jogos e elevem a qualidade do torneio, que tem tudo para crescer ainda mais – concluiu o diretor de Competições. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Valdir Espinosa conquista sexto título pelo Grêmio
Quando se estuda a trajetória do Grêmio de Foot-Ball Porto Alegrense, muitas páginas podem ser confundidas com a biografia de Valdir Espinosa. Técnico do clube no título mais importante da história, ele somou mais uma taça à sua coleção compartilhada com o Imortal Tricolor: a Copa do Brasil 2016. Aos 69 anos, tem mais de 35 de vivência gremista. Atuou como jogador, no início da década de 1970, mas alcançou as maiores glórias fora das quatro linhas. Do Gauchão ao Mundial, tem a memória cheia de momentos apoteóticos. – Quando penso nesses títulos, vejo o torcedor Espinosa campeão por seu clube do coração. Se sou o homem que sou, devo ao Grêmio. Foi o Grêmio que me ensinou a ser treinador e profissional. Quando olho essa torcida, estou com ela. Já são seis títulos no capítulo Grêmio do livro ainda aberto de Valdir: Copa Los Angeles (1983), Troféu Cell – El Salvador (1983), Copa Libertadores da América (1983), Mundial (1983), Campeonato Gaúcho (1986) e Copa do Brasil (2016), sendo os cinco primeiros como técnico e o desta quarta-feira (7) no cargo de coordenador técnico. – O que sinto é a emoção de todo gremista. Eu me incluo porque sou gremista. Há 15 anos, sofria com esse jejum. Como torcedor, também não aceitava tanto tempo. Mas conquistamos e vamos seguir em frente. Espinosa atribuiu grande parte da responsabilidade da conquista do Pentacampeonato da Copa do Brasil ao técnico Renato Portaluppi, que, segundo ele, “teve a humildade de conversar com Roger [ex-treinador], antes de colocar as suas convicções no time”. Para Valdir, Renato “tem a virtude dos campeões, com a mente sempre aberta para aprender e evoluir”. O troféu levantado na final contra o Atlético Mineiro, após vitória por 3 a 1 e empate em 1 a 1, foi o primeiro do clube na Arena do Grêmio, inaugurada em 2012. Espinosa faz questão de celebrar, mas ressalta que o compromisso por novas taças será reiniciado o quanto antes. – Muitos títulos foram conquistados no Olímpico. Esse é o primeiro da Arena e os próximos também serão comemorados aqui. Agora [depois do jogo], é hora de festejar. Mas vamos começar a pensar, amanhã [quinta-feira], no planejamento do ano que vem. O Grêmio vai buscar o Tri da Libertadores e o Bi Mundial. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Cliques do título do Grêmio da Copa do Brasil
Tricolor Gaúcho conquistou o quinto título da competição Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
É penta! Grêmio conquista a Copa do Brasil 2016
Na noite desta quarta-feira (7), o futebol voltou a proporcionar um pouco mais de felicidade. Antes da bola rolar para Grêmio e Atlético-MG, pela final da Copa do Brasil, belíssimas homenagens foram realizadas para as vítimas fatais do acidente aéreo envolvendo a delegação da Chapecoense. Ao apito final do árbitro, o Tricolor pôde realizar uma grande festa com os mais de 55 mil torcedores presentes em sua Arena, em Porto Alegre (RS). O time gaúcho ficou no 1 a 1 com o Galo e, por conta da vitória no jogo de ida, por 3 a 1, chegou ao quinto título e tornou-se o maior campeão da competição mais democrática do país. Os gols saíram somente no segundo tempo e após os 40 minutos de bola rolando. O Grêmio saiu na frente, com o equatoriano Miller Bolaños. Logo em seguida, o compatriota dele, Cazares, deixou tudo igual. Com a conquista desta noite, o Imortal coloca fim ao jejum de 11 anos sem títulos. O primeiro tempo não teve grandes oportunidades de gol. A primeira chance foi ocorrer somente aos 39 minutos. E foi para o time da casa. Douglas deu belo passe para Everton, que ficou cara a cara com Victor. O arqueiro atleticano saiu bem do gol e fez grande defesa. Na etapa final, a partida mudou. As duas equipes voltaram com postura mais ofensiva e, consequentemente, os espaços acabaram aparecendo. Os goleiros, no entanto, só foram correr perigo na marca dos 40 minutos. O Galo quase abriu o placar com Gabriel, arriscando de longe, aproveitando sobra de escanteio. Aos 43, o Imortal puxou contra-ataque rápido e Everton cruzou rasteiro. Miller Bollaños apareceu bem e completou para o fundo da rede. Três minutos mais tarde, o Atlético-MG mostrou que não estava entregue. Cazares percebeu Marcelo Grohe adiantado e, do meio-campo, marcou um verdadeiro golaço, por cobertura. Com o gol, o time mineiro tentou crescer para buscar a virada, mas não havia mais tempo. Grêmio campeão! Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Campeão da Copa do Brasil receberá patch oficial
O peito de Grêmio ou Atlético Mineiro vai ostentar o patch oficial de campeão da Copa do Brasil 2016. Depois da finalíssima desta quarta-feira (7), as diretorias de Competições e de Marketing da CBF entregarão um quadro com esse símbolo especial gigante, que dá ao clube que conquistar o título o direito de uso da insígnia na camisa oficial. Na primeira partida, os gaúchos venceram por 3 a 1, no Mineirão. Como não há desempate por gol fora de casa na decisão, o Galo precisa vencer por três gols de diferença pra levar o troféu e o patch. Já o Tricolor fica com a glória com qualquer vitória, empate ou derrota por um gol de desvantagem. Grêmio e Atlético Mineiro entram em campo às 21h45 desta quarta, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Robinho crê em virada na final da Copa do Brasil
A derrota por 3 a 1 no jogo de ida não tirou a confiança de Robinho para a finalíssima da Copa do Brasil 2016 contra o Grêmio. Para reverter o resultado do Mineirão, o atacante aposta na força do elenco atleticano e o histórico recente em decisões para sair de Porto Alegre com o título nacional. – A missão é muito difícil porque a gente não fez um grande jogo na primeira partida, mas temos condições de ir lá e fazer um grande jogo também, vencer e, quem sabe, se Deus quiser, ser campeão, que é o nosso objetivo. Nós, jogadores, acreditamos muito. Acreditamos porque jogamos em um time que é grande, sabemos a qualidade do nosso elenco e, também, pelas viradas históricas que já teve o Atlético. Então, no futebol, nada é impossível. A gente sabe que vai ser difícil, mas temos capacidade de ir lá e voltar campeão. Artilheiro do Galo na temporada, com 25 gols, Robinho afirma que a equipe mostrará um futebol melhor neste segundo jogo da decisão. – Primeiro, procurar fazer um grande jogo. Não pensar na vantagem que o Grêmio tem, pensar em jogar bola e jogar bem. Jogando bem, estaremos mais próximos da vitória e, para que isso aconteça, temos que ter a organização que não tivemos no último jogo. A grande final está marcada para a próxima quarta-feira (7), às 21h45, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Fonte: site oficial do Atlético-MG Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Copa do Brasil: sistema de disputa e classificação
A Diretoria de Competições da CBF divulgou, nesta quinta-feira (01), um resumo do sistema de disputa e classificação para a Copa do Brasil 2017. Entre as novidades para o próximo ano estão a disputa das duas primeiras fases em jogo único, com renda dividida em 60% para o classificado e 40% para o eliminado e a entrada dos campeões da Copa Verde, Copa do Nordeste e Brasileiro da Série B na Fase de oitavas de final, junto com os sete participantes da Taça Libertadores. Somadas as oito fases da competição, a Copa do Brasil terá 91 clubes participantes e 120 partidas serão realizadas. Confira o detalhamento das etapas abaixo na íntegra do resumo: * Primeira Fase - com 80 clubes 70 clubes oriundos das competições estaduais e 10 pelo Ranking de Clubes da CBFFase em jogo único (40 jogos)Sorteio para definição dos confrontosEm cada confronto os times melhores ranqueados visitam os de pior rankingVantagem do empate para os visitantesDivisão de renda: 60% para o classificado e 40% para o eliminadoClassificam-se para a Segunda Fase os vencedores dos confrontos (total de 40 clubes) * Segunda Fase - com 40 clubesFase em jogo único (20 jogos)Confrontos seguem o diagramaMando de campo definido por sorteioDivisão de renda: 60% para o classificado e 40% para o eliminadoClassificam-se para a Terceira Fase os vencedores dos confrontos (total de 20 clubes) * Terceira Fase - com 20 clubesFase em ida e volta (20 jogos)Confrontos seguem o diagramaSorteio para definição dos mandos de campoA partir desta fase entra o critério do gol qualificadoClassificam-se para a Quarta Fase os vencedores dos confrontos (total de 10 clubes) * Quarta Fase - com 10 clubesFase em ida e volta (10 jogos)Sorteio para definições dos confrontos e dos mandos de campoClassificam-se para a Quinta Fase os vencedores dos confrontos (total de 5 clubes) * Quinta Fase (Oitavas de Final) - com 16 clubes, a saber: a) os cinco clubes classificados na Quarta Fase; b) os sete clubes participantes da Taça Libertadores de 2017; c) o campeão da Copa Sul-Americana de 2016 (Associação Chapecoense de Futebol/SC, aguardando confirmação por parte da CONMEBOL); d) os campeões de três competições da CBF em 2016: Copa do Nordeste, Copa Verde e Campeonato Brasileiro da Série B. Fase em ida e volta (16 jogos) Sorteio para definições de confrontos e de mandos de campo Classificam-se para a Sexta Fase os vencedores dos confrontos (total de 8 clubes) * Sexta fase (Quartas de Final) - com 8 clubesFase em ida e volta (8 jogos)Sorteio para definições de confrontos e de mandos de campoClassificam-se para a Sétima Fase os vencedores dos confrontos (total de 4 clubes) * Sétima fase (Semifinal) - com 4 clubes Fase em ida e volta (4 jogos) Sorteio para definição dos mandos de campo Classificam-se para a Oitava Fase os vencedores dos confrontos (total de 2 clubes). * Oitava fase (Final) - com 2 clubes Fase em ida e volta (2 jogos) Sorteio para definição dos mandos de campo Não há o critério do gol qualificado. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Adiamento – Final da Copa do Brasil
A CBF comunica o adiamento da final da Copa do Brasil, entre Grêmio e Atlético Mineiro, inicialmente prevista para amanhã. Definições a respeito deste jogo serão informadas ao longo do dia. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Marcelo acredita em reação do Atlético-MG na volta
O Atlético-MG saiu atrás nos primeiros 90 minutos da decisão da Copa do Brasil. O Grêmio venceu por 3 a 1 e poderá empatar ou perder por até um gol de diferença na volta para ficar com o título. Apesar da desvantagem, o técnico do Galo, Marcelo Oliveira, destacou que o time tem condições de reagir. – O Grêmio jogou muito bem, fez o jogo que lhe convinha, mas é possível ir lá, preparar os jogadores que estão fora e podem nos ajudar, e buscar o resultado. Ficou mais difícil, foi frustrante, mas é possível – destacou. O Atlético precisa vencer por dois gols de vantagem para levar a decisão para os pênaltis e três para ser campeão. O jogo da volta será na próxima quarta-feira (30), na Arena do Grêmio, às 21h45 (de Brasília). Fonte: Site oficial do Atlético-MG Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Em vantagem, Renato prega cautela no Grêmio
O Grêmio deu um passo largo na busca pelo título da Copa do Brasil 2016. O Imortal derrotou o Atlético-MG, no Mineirão, por 3 a 1, na noite da última quarta-feira (23), e leva boa vantagem para o jogo da volta. O Tricolor gaúcho poderá empatar ou perder por até 1 a 0 para ser campeão. O técnico Renato Portaluppi, por sua vez, prega cautela ao time. – A gente conseguiu essa vantagem, mas nada está definido. Tivemos essa vantagem contra o Cruzeiro e tomamos um sufoco na Arena. O Atlético tem grande equipe, que podem definir a partida, Todo o cuidado é pouco. Temos a vantagem? Sim. Vamos esquecer. Tivemos a primeira batalha, os outros 90 vamos jogar diante da nossa torcida. O grupo está totalmente blindado. Do presidente ao roupeiro. Não vamos mudar em nada o que a gente vem fazendo. Não tem o que mudar – destacou. A partida da volta está marcada para a próxima quarta-feira (30), na Arena do Grêmio, às 21h45 (de Brasília). Caso seja campeão, o conquistará a quinta Copa do Brasil de sua história. Fonte: Site oficial do Grêmio Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Grêmio bate o Galo no Mineirão e larga na frente
Os primeiros 90 minutos da decisão da Copa do Brasil 2016 foram disputados na noite desta quarta-feira (23), no Mineirão, em Belo Horizonte (MG). E quem saiu na frente foi o time visitante. O Grêmio derrotou o Atlético-MG por 3 a 1 e conquistou a vantagem de poder empatar ou perder por até um gol de diferença no jogo da volta para ficar com o título da competição mais democrática do país. O Grêmio dominou o primeiro tempo e teve as melhores chances. Aos 29 minutos, Maicon recuperou a bola no meio e serviu Pedro Rocha. O atacante dominou na área, deu lindo drible em Gabriel e botou a bola no cantinho para abrir o placar. Embora Victor tenha sido muito mais exigido e feito grandes defesas, o arqueiro oponente também trabalhou. O Atlético chegou bem aos 42 e, com Júnior Urso batendo na pequena área, obrigou Marcelo Grohe a fazer excelente intervenção para evitar o empate. Na etapa final, o Grêmio voltou com a mesma postura e seguiu mandando no jogo. O time gaúcho chegou ao segundo gol aos nove minutos, novamente com Pedro Rocha. O atacante recebeu no meio, passou por três marcadores e tocou na saída de Victor para marcar um golaço e ampliar o marcador. Aos 22, o autor dos dois gols, grande estrela da partida até o momento, acabou sendo expulso ao levar o segundo cartão amarelo. Com um homem a mais e a torcida incentivando, o Atlético sentiu que era a hora de partir para cima e passou a pressionar o adversário. Aos 36, Fábio Santos cruzou para a área e o zagueiro Gabriel bateu bonito na bola para descontar. Quando parecia que o Galo seguiria em cima em busca do empate, o Imortal aproveitou contra-ataque para marcar o terceiro, aos 45 minutos. O zagueiro Geromel puxou a jogada pelo lado direito e cruzou no segundo pau. O atacante Everton apareceu livre e liquidou a fatura. Com o resultado desta noite, o Atlético-MG terá de vencer por dois gols de diferença para levar a decisão para os pênaltis e três para ser campeão. A partida será na próxima quarta-feira (30), às 21h45 (de Brasília), na Arena do Grêmio. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Grêmio pode quebrar jejum de títulos nacionais
A escola gaúcha de futebol é reconhecida em todo o país. Além de revelar grandes craques, é o berço dos últimos quatro técnicos da Seleção Brasileira, incluindo Tite. Entretanto, em um histórico recente, os clubes do Rio Grande do Sul enfrentam um jejum de títulos nacionais. São 15 anos sem levantar um Campeonato Brasileiro ou Copa do Brasil. O Grêmio, classificado para a grande final da Copa do Brasil contra o Atlético Mineiro, tem a chance de quebrar esse tabu. O jogo de ida será nesta quarta-feira (23), às 21h45, no Mineirão. O Tricolor Gaúcho decide o título em casa na quarta seguinte, dia 30, também às 21h45, na Arena do Grêmio. Grêmio - Copa do Brasil 2001 A última conquista nacional de uma equipe gaúcha ainda tem chance de se repetir em 2016. Comandado por Tite, o Grêmio foi campeão da Copa do Brasil em 2001, o quarto título do Tricolor dos Pampas da competição. Contando com Zinho, Marcelinho Paraíba, Mauro Galvão e Roger, o Imortal queria revanche contra o Corinthians na grande final, depois de perder para o Timão na decisão de 1995. Durante a campanha, o Grêmio eliminou Coritiba, São Paulo e Fluminense. Contra o Tricolor Paulista teve, inclusive, uma vitória por 4 a 3 no Morumbi, pelas quartas de final, depois de vencer também no Olímpico por 2 a 1. O duelo contra o Coxa também foram duas vitórias: 3 a 1 no Olímpico, e 1 a 0 no Couto Pereira. No Olímpico, a vitória por 3 a 1 deu o título ao Grêmio, com gols de Marinho, Zinho e Marcelinho. A festa tricolor de Porto Alegre tomou os gremistas de todo o país. Quinze anos depois, o Tricolor tem a chance de conquistar a competição pela quinta vez. Faltam apenas dois jogos. Internacional - Copa do Brasil 1992 A quarta e última conquista nacional do Internacional aconteceu em 1992, em pleno Beira-Rio abarrotado de torcedores vermelhos apaixonados. A campanha era especial pois, além de ser a primeira taça da Copa do Brasil que o Colorado conquistou, teve um clássico Gre-Nal pelo caminho, nas quartas de final. Com dois empates, a decisão ficou para os pênaltis, digna da emoção de um dos maiores clássicos do país. A final foi contra o Fluminense. No jogo de ida, um duro golpe no Estádio das Laranjeiras: o Tricolor venceu por 2 a 1 – com gols de Ézio e Vágner, e Caíco descontando para o time gaúcho. Na partida do Beira-Rio, o Colorado precisava vencer o Flu para se sagrar campeão pela primeira vez da Copa do Brasil. Mais de 45 mil colorados apaixonados compareceram na esperança de ver o Inter reverter o resultado. Um gol poderia dar o título aos gaúchos. Aos 38 do segundo tempo, o marcador ainda estava 0 a 0, e o Fluminense estava sendo campeão. Neste minuto, José Aparecido de Oliveira marca pênalti em Pinga. Gérson, o cobrador oficial da equipe já tinha sido substituído por Nando. A apreensão era grande para saber quem tomaria a responsabilidade. Célio Silva, então sexta opção de cobrança, pediu a bola e levantou o Beira-Rio. O zagueiro cobrou no meio do gol e garantiu o título do Colorado. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Atlético-MG e Grêmio começam a decidir título
A final da Copa do Brasil começa a ser decidida na noite desta quarta-feira (22). De um lado, o Atlético-MG querendo conquistar seu segundo título da competição. Do outro, o Grêmio tentando quebrar o jejum de 15 anos sem conquistas nacionais e, de quebra, aumentar o número de taças do torneio para cinco. O primeiro confronto da decisão começa às 21h45, no Mineirão. A primeira e única vez em que o Atlético-MG conquistou a Copa do Brasil foi em 2014. Naquela edição, o Galo venceu seis jogos dos oito disputados e foi campeão em cima do rival Cruzeiro (vitórias por 2 a 0 e 1 a 0). Neste ano, foram três empates e três vitórias até agora. Para o primeiro jogo desta decisão, o técnico Marcelo Oliveira não terá o atacante Luan, vetado devido a um edema na panturrilha direita. O treinador ainda não divulgou o substituto, mas as opções são Clayton e Cazares. Provável escalação: Victor; Carlos César, Erazo, Gabriel e Fábio Santos; Leandro Donizete, Júnior Urso e Maicosuel; Cazares (Clayton), Robinho e Lucas Pratto. O Grêmio, campeão nos anos de 1989, 1994, 1997 e 2001, divide o título de maior vencedor da competição com o Cruzeiro. A conquista desse ano não só colocará o Tricolor Gaúcho no topo dos campeões do torneio como também quebrará um jejum de 15 anos sem conquistas nacionais do time de Porto Alegre. A última foi justamente em 2001, quando empatou com o Corinthians em 2 a 2 no jogo de ida, no Olímpico, e venceu por 3 a 1 na volta, no Morumbi. Para o confronto com os atleticanos nesta noite, o técnico Renato Gaúcho tem o time completo, sem desfalques. Provável escalação: Marcelo Grohe; Edílson, Pedro Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon, Ramiro, Douglas e Pedro Rocha; Luan. Após o encontro desta noite, Grêmio e Atlético-MG voltam a se encontrar na próxima quarta-feira (30), às 21h45. A grande finalíssima será na Arena do Grêmio. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Lucas Pratto quer fechar 2016 com título
Sem chances de conquistar o Brasileirão, o Atlético-MG está com foco total na decisão da Copa do Brasil. Símbolo de raça da equipe mineira, o atacante Lucas Pratto está confiante em fechar a temporada conquistando um título nacional pelo Galo. Segundo o argentino, a conquista viria para coroar a dedicação do grupo durante todo o ano. – Brigamos o ano todo para conseguir um título importante. Ficamos tristes por não conseguir brigar pelo Brasileiro até o final do ano e, agora, temos a possibilidade da Copa do Brasil, que foi difícil chegar até a final. Tivemos jogos bons, jogos sofridos, jogos que passamos por pênaltis. Então, seria bom finalizar o ano com um título, depois de ter trabalhado e sofrido muito durante o ano. Acho que seria um grande final conseguir um título importante – analisou o goleador, que ainda revelou que almeja o título para entrar na história do clube mineiro. – Quero sair campeão para ficar na história e conseguir um título importante para o clube – acrescentou o argentino. Para o duelo com o Grêmio, Lucas Pratto ressaltou que o Atlético-MG precisará ter o controle do jogo para superar a equipe gaúcha. – Todo mundo sabe que o Grêmio é um time que fica muito à vontade com a posse de bola. Então, temos que tirar a bola deles e conseguir ficar com a bola para que eles não se sintam confortáveis durante o jogo. A disputa pela taça terá início às 21h45 desta quarta-feira (23), quando o Galo receberá o Grêmio, no Mineirão, pelo jogo de ida da final. A finalíssima está marcada para o dia 30 de novembro, às 21h45, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Fonte: site oficial do Atlético-MG Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Grêmio fecha treino e relaciona jogadores
O momento está chegando. Os primeiros 90 minutos da decisão da Copa do Brasil serão disputados nesta quarta-feira (23), 21h45, no Mineirão. Sob o comando do ídolo Renato Gaúcho, o Grêmio se prepara para enfrentar o Atlético Mineiro, e optou por manter o treinamento desta segunda-feira com portões fechados. A equipe gaúcha treinou no CT Luiz Carvalho, em Porto Alegre, no penúltimo treinamento antes de entrar em campo na quarta-feira. Os atletas ainda realizam um último trabalho nesta terça pela manhã, e logo depois embarcam para a capital mineira. Com sorte, o Tricolor gaúcho tem todos os jogadores disponíveis para grande final. Os 26 jogadores convocados para a viagem já estão concentrados. Confira os relacionados para o jogo de ida: Goleiros: Dida, Léo e Marcelo Grohe; Laterais: Edílson, Iago, Marcelo Oliveira e Wallace Oliveira; Zagueiros: Fred, Geromel, Kannemann e Rafael Thyere; Volantes: Jaílson, Kaio, Maicon, Ramiro e Walace; Meias: Douglas, Lincoln, Miller e Ty; Atacantes: Batista, Éverton, Guilherme, Henrique Almeida, Luan e Pedro Rocha. Fonte: site oficial do Grêmio Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Red Bull Brasil completa nove anos neste sábado
Campinas está em festa, neste sábado (19), com o aniversário do Red Bull Brasil. O clube da região, fundado em 19 de novembro de 2007, completa nove anos de trabalho e conquistas. A equipe, que manda seus jogos no Estádio Moisés Lucarelli, começou a disputar competições em 2008, na Série B do Campeonato Paulista, terminando em quinto lugar. O ano da afirmação foi 2009: título da Série B e acesso à Série A3 do Paulista. Em 2010, além do troféu da Série A3, o time de São Paulo foi vice-campeão da Copa Paulista, perdendo para a equipe do Paulista. Permaneceu na Série A2 até 2014, quando foi vice-campeão e conseguiu uma vaga para disputar o Paulistão. Em 2015, logo na estreia, uma excelente campanha. O clube chegou às quartas de final do torneio e conquistou uma vaga na Série D. No Campeonato Brasileiro, o desempenho do Estadual não se repetiu e a equipe acabou ficando na primeira fase. Em 2016, o Red Bull Brasil disputou, pela primeira vez, a Copa do Brasil e foi eliminado na primeira fase pelo América-MG: empate em 1 a 1 e vitória do Coelho por 3 a 2, em Minas Gerais. A CBF deseja um feliz aniversário ao clube, torcedores, jogadores e membros da comissão técnica e torce para que muitas glórias possam ser escritas na história do Red Bull Brasil. Parabéns, Toro Loko! Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Copa do Brasil: Atlético x Grêmio será no Mineirão
O palco dos primeiros 90 minutos da decisão da Copa do Brasil está definido. A Diretoria de Competições da CBF informa que Atlético Mineiro x Grêmio, jogo de ida da final, será no Mineirão. A bola vai rolar às 21h45 de 23 de novembro. A opção pela mudança foi do Galo, que mandaria a partida no Estádio Independência. Com capacidade estimada em 62 mil pessoas, o Mineirão recebeu o último jogo da Seleção Brasileira em casa na temporada: a vitória por 3 a 0 sobre a Argentina, na semana passada. A partida do Brasil, válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo da FIFA Rússia 2018, alcançou o recorde de público do estádio no ano: 53.490 presentes. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Copa do Brasil: Independência é palco do 1º jogo
A Diretoria de Competições informa a definição do estádio Independência, em Belo Horizonte (MG), para a primeira partida da final da Copa do Brasil, entre Atlético-MG e Grêmio. Este jogo será no dia 23 de novembro, quarta-feira, às 21h45. O confronto de volta acontece na Arena do Grêmio, dia 30 de novembro, também quarta-feira, às 21h45. Os mandos de campo foram definidos em sorteio que aconteceu na sede da CBF, no dia 4 de novembro. Veja a tabela detalhada da final da Copa do Brasil. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Tabela detalhada da final da Copa do Brasil
Finalistas da Copa do Brasil de 2016, Atlético-MG e Grêmio voltam a campo no próximo dia 23 de novembro em busca do título nacional. Com os mandos de campo definidos e datas conhecidas, falta a bola rolar. Confira os detalhes abaixo e mais informações nos documentos em anexo: 23/11 - Quarta-feira 21h45 - Atlético-MG x Grêmio Local a definir 30/11 - Quarta-feira 21h45 - Grêmio x Atlético-MG Arena do Grêmio, Porto Alegre (RS) Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Grêmio decide o título da Copa do Brasil em casa
O Grêmio é o finalista que fará a grande decisão da Copa do Brasil 2016 diante do seu torcedor. Em sorteio realizado na sede da CBF, no Rio de Janeiro (RJ), nesta sexta-feira (4), foram definidos os mandos de campo das duas partidas finais da competição e o clube gaúcho foi contemplado com o direito de realizar os 90 minutos finais em sua casa, na Arena do Grêmio, contra o Atlético-MG, no dia 30 de novembro. O primeiro jogo acontece no dia 23, em Minas Gerais. Representando o Galo no evento, o diretor jurídico do clube, Dr. Lásaro da Cunha, acredita que serão dois grandes jogos difíceis, mas não vê problema em decidir o título fora de casa. – Dificuldade é com o Galo. Nós não temos problema em relação a jogos difíceis, gostamos do desafio e vamos de igual para igual com o Grêmio fazer estes dois jogos. Eles estão fazendo um ótimo campeonato, assim como nós, porém estamos muito confiantes de que podemos levar esta taça – afirmou o diretor, que relembrou a campanha de 2014 para servir de combustível nas finais desta temporada. – Em 2014 nós pegamos vários times da Série A, tivemos jogos difíceis, conseguimos reverter resultados e pouca gente acreditava no clube. Nós gostamos de desafios e neste ano tem sido assim: na raça, na luta, com garra e esperamos fazer duas grandes partidas para sairmos vencedores do duelo. O lema do "Eu acredito!" já está incorporado na alma do atleticano. Faremos (o canto) no momento apropriado e vamos com a força da torcida em busca de mais um troféu – finalizou Dr. Lásaro. Após 15 anos, o Grêmio chega numa crescente para a grande final, graças ao bom momento que vive atualmente. O fato de decidir a competição em casa motiva ainda mais o clube, que pode se tornar o único pentacampeão da competição. O Presidente do Imortal, Romildo Bolzan, comentou a importância de ter o mando de campo no segundo jogo. – Para nós é extremamente importante jogar a final na Arena, fato inédito para o Grêmio no estádio. O Atlético é um adversário extremamente perigoso e nós temos de ter o cuidado para sairmos com um bom resultado, tanto no primeiro quanto no segundo duelo. Então, o fator torcida pode ser fundamental nesta decisão, e estamos felizes por podermos definir o título diante deles – avaliou Bolzan. O lateral-direito do Grêmio Edilson também esteve presente no sorteio e falou ao site da CBF sobre a atmosfera no Rio Grande do Sul em torno desta grande final. – Fazia muito tempo que o Grêmio não chegava à final da Copa do Brasil e a expectativa é grande. Ainda por cima podemos nos tornar a primeira equipe pentacampeã do torneio. Respeitamos muito o Atlético, mas, por decidirmos em casa, nós temos sempre de fazer o melhor para que possamos conquistar o título diante da nossa torcida – disse o lateral, que elogiou o evento e deixou um recado para os gremistas que acompanham o site da CBF. – É a primeira vez que eu participo do sorteio e foi bastante legal. A CBF está de parabéns por tudo e pelo grande campeonato. Tenho certeza que a Arena do Grêmio vai estar lotada com todos os nossos torcedores gremistas e espero que possamos coroar a nossa campanha com este quinto título, que pode ser inédito no cenário brasileiro e para o Grêmio – concluiu Edilson. Confira aqui a tabela e os jogos da Copa do Brasil Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Renato diz que Grêmio garantiu vaga no jogo de ida
A partida entre Grêmio e Cruzeiro, disputada na noite da última quarta-feira (2), terminou empatada em 0 a 0. O resultado foi melhor para o Imortal, que ficou com a vaga na decisão da Copa do Brasil por ter vencido o jogo de ida, na casa dos mineiros, por 2 a 0. Ao comentar a classificação, o técnico Renato Portaluppi destacou a atuação do time no primeiro jogo e fez questão de elogiar os torcedores. – O mais importante de tudo foi que o Grêmio conseguiu o objetivo de chegar à final. Sabíamos que íamos encontrar um adversário muito difícil. Hoje o Mano (Menezes) armou o Cruzeiro muito bem. Só que o Grêmio jogou 180 minutos, e o Cruzeiro, só 90. Pagou por isso. No segundo tempo, conseguimos jogar com mais tranquilidade, com o regulamente debaixo do braço. Temos que agradecer às mais de 50 mil pessoas que vieram à Arena, apoiaram muito. Essa classificação eu dedico à nossa torcida – destacou. Agora, na grande decisão da competição, o Grêmio vai enfrentar o Atlético-MG, que eliminou o Internacional. Antes disso, o Imortal volta a campo na próxima segunda-feira (7) pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Tricolor gaúcho recebe o Sport, às 20h (de Brasília), em sua Arena. Fonte: Site oficial do Grêmio Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
As imagens da classificação Tricolor
Veja as fotos da classificação do Grêmio em cima do Cruzeiro para a grande final da Copa do Brasil Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Victor comemora vaga do Atlético-MG na decisão
O Atlético-MG empatou em 2 a 2 com o Internacional na noite da última quarta-feira (2) e, como havia vencido por 2 a 1 na ida, garantiu a vaga na decisão da Copa do Brasil. O Galo vai enfrentar o Grêmio, um velho conhecido de seu goleiro, o ídolo Vitor. Ao comemorar a classificação, o arqueiro alvinegro disse que o reencontro tem sabor especial e espera garantir mais um título para o clube mineiro. – Tem um sabor especial essa possibilidade de conquista em um clube onde tenho tanta identificação. O Grêmio me abriu as portas, mas, hoje, defendo as ores do Atlético, clube que me possibilitou viver grandes conquistas, e espero trazer mais um título – destacou. Durante a partida, Victor acabou falhando em uma bola recuada e o erro gerou o gol de empate do Internacional. Mesmo após este lance, a torcida atleticana continuou apoiando o time o arqueiro, que fez questão de agradecer. – O torcedor sabe o carinho e o respeito que tenho por essa camisa e sabe da importância do seu apoio para me manter focado e concentrado no jogo. Quero deixar meu agradecimento ao torcedor, que tanto me dá carinho e respeito. Podem ter certeza que isso é recíproco e, no que depender de mim, vou dar sempre a minha vida para conquistar títulos pelo Atlético – acrescentou. Agora, o adversário do Atlético-MG será o Grêmio, que eliminou o Cruzeiro. Antes da decisão, o Galo volta a campo pelo Campeonato Brasileiro. Em duelo válido pela 34ª rodada da competição, o Alvinegro enfrenta o Coritiba, domingo (6), no Couto Pereira, às 19h30 (de Brasília). Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Galo classificado para final da Copa do Brasil
Veja as fotos da classificação do Atlético-MG em cima do Internacional, nesta quarta-feira (2), para final da Copa do Brasil Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Atlético e Grêmio estão na final da Copa do Brasil
A Copa do Brasil 2016 conheceu seus finalistas na noite desta quarta-feira (2). Com as arenas lotadas, Atlético-MG e Grêmio avançaram diante de suas torcidas e irão disputar a taça da competição. O Galo, que venceu a ida por 2 a 1, empatou com o Internacional por 2 a 2, no Independência, e se garantiu na decisão. O Tricolor, que havia vencido o Cruzeiro por 2 a 0 no primeiro jogo, ficou no 0 a 0 na Arena do Grêmio. Em Belo Horizonte, Atlético-MG e Internacional fizeram um jogo emocionante. Buscando o ataque a todo instante, os times empataram em 2 a 2. O primeiro gol saiu aos 26 minutos. Anderson cruzou para Aylon, que colocou o Inter na frente. Cinco minutos depois, Lucas Pratto acertou a trave e quase empatou para o Galo. Pressionando, o time da casa conseguiu o gol aos 47. Pratto recebeu de Luan e tocou para Robinho, que finalizou rasteiro no canto esquerdo de Danilo Fernandes. Aos 49, Anderson aproveitou falha na saída do goleiro Victor e deixou o Colorado na frente novamente. Na volta do intervalo, Lucas Pratto recebeu de Robinho e marcou o segundo gol do Galo: 2 a 2. Com a classificação encaminhada, o Atlético seguiu pressionando e o goleiro Danilo salvou o Inter em dois lances perigosos, com Carlos César e Otero. O Colorado focou nos contra-ataques até o final, mas não conseguiu evitar a eliminação. Em Porto Alegre, Grêmio e Cruzeiro mostraram equilíbrio no primeiro tempo, sem muitas oportunidades de gol. A melhor chance para o Tricolor foi com Marcelo Oliveira, que recebeu de Luan, mas tocou por cima do gol de Rafael. A Raposa quase marcou com Ariel Cabral, que acertou a trave. Depois, de falta, o chute de Arrascaeta tirou tinta do gol do Grêmio. O ritmo não mudou na volta do intervalo. Em uma das melhores chances do time gaúcho, Douglas quase marcou um gol olímpico. Na sequência, Ramiro e Geromel obrigaram o goleiro Rafael a fazer duas boas defesas. O Cruzeiro chegou perto com Alisson, Rafael Sobis e Ábila. Sem muita criatividade no ataque, os times ficaram no 0 a 0 até o apito final. O sorteio dos mandos de campo da final da Copa do Brasil será nesta sexta-feira (4), às 9h, na sede da CBF, no Rio de Janeiro. O evento terá transmissão da CBF TV, no site da entidade. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Contra o Inter, Galo defende marca de 10 anos
Muita coisa aconteceu nos últimos 10 anos. No futebol, tabus foram quebrados, títulos conquistados e recordes estabelecidos. Mas entre tudo isso, algo não aconteceu: uma derrota do Atlético-MG dentro de casa pela Copa do Brasil. A última vez que o Galo saiu de campo derrotado foi no dia 12 de abril de 2006, quando o Atlético perdeu para o Fortaleza por 2 a 0 no Mineirão. Se depender desse retrospecto, o torcedor do Galo pode ficar confiante para o duelo desta noite contra o Internacional, no Independência, em Belo Horizonte. Depois de vencer por 2 a 1 no Beira Rio, qualquer empate garante a classificação do Atlético para sua segunda final de Copa do Brasil em três anos. Essa é a primeira partida do Atlético no Independência nesta edição da Copa do Brasil. Até aqui, o Galo fez as duas partidas que teve dentro de casa no Mineirão, e conseguiu uma vitória e um empate, com dois gols marcados e um sofrido. No ano em que foi campeão da Copa do Brasil, 2014, o Atlético teve um desempenho impecável dentro de casa. Foram quatro jogos e quatro vitórias contra Palmeiras, Corinthians, Flamengo e Cruzeiro. Ao todo, o Galo marcou 12 gols e sofreu apenas dois. Tentando manter essa marca histórica, o Atlético-MG mede forças com o Internacional no Independência, em Belo Horizonte, nesta quarta-feira (2), às 21h45. No jogo de ida, o Galo venceu por 2 a 1 como visitante. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Por vaga: Inter e Cruzeiro x Atlético-MG e Grêmio
Torcedores mineiros e gaúchos voltam suas atenções na noite desta quarta-feira (2) para os jogos decisivos da fase semifinal da Copa do Brasil. Às 21h45, o Atlético-MG recebe o Internacional no Independência com a vantagem da vitória por 2 a 1 no primeiro confronto, no Beira-Rio. No mesmo horário, Grêmio e Cruzeiro duelam na Arena do Grêmio. Na ida, o Tricolor levou a melhor e venceu por 2 a 0, no Mineirão. Atlético-MG x Internacional - no Independência, em Belo Horizonte (MG) Os dois times estão focados no Campeonato Brasileiro. Enquanto o Atlético-MG briga no pelotão de cima, o Internacional está focado na corrida contra a degola. Com a situação mais favorável, o Galo está determinado em brigar pelas duas competições. Por isso, o técnico Marcelo Oliveira não irá poupar jogadores e virá com força total para a partida no Independência: Victor; Carlos César, Erazo, Gabriel e Fábio Santos; Leandro Donizete, Júnior Urso e Otero; Clayton, Robinho e Lucas Pratto. Já o Internacional, que vive uma situação mais delicada na Série A, entrará em campo com um time alternativo. A equipe que iniciará a partida terá cinco titulares: Danilo Fernandes, Ceará, Ernando, Rodrigo Dourado e William. No entanto, o técnico Celso Roth relacionou outros titulares para a partida, que ficarão no banco como alternativa: Paulão, Geferson, Alex, Eduardo Sasha e Vitinho. O provável time do Inter é: Danilo Fernandes; Ceará, Alan Costa, Ernando e Artur; Rodrigo Dourado, Eduardo Henrique, William, Anderson e Valdivia; Aylon. Com a vitória por 2 a 1 em Porto Alegre, o Atlético pode até perder por 1 a 0 que avança na competição. O Internacional precisa fazer dois gols de diferença ou a partir do resultado de 3 a 2. Caso devolva o placar do jogo de ida, a decisão irá para os pênaltis. Grêmio x Cruzeiro - na Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS) Com a vantagem construída no jogo de ida, o Grêmio deve manter a equipe para a partida desta quarta-feira (2). O capitão Maicon, que deixou o campo ainda no intervalo, no Mineirão, com tendinite no tornozelo direito, foi confirmado pelo técnico Renato Gaúcho. O Tricolor deve entrar em campo com: Marcelo Grohe; Edílson, Pedro Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon, Ramiro, Pedro Rocha e Douglas; Luan. Para o jogo, o Cruzeiro tem confirmada a volta do capitão Henrique. O volante ficou fora de três jogos da equipe mineira por conta de um desgaste muscular e teve sua ausência foi muito sentida. Assim, Mano Menezes deve escalar a equipe com: Rafael; Lucas, Léo, Bruno Rodrigo e Edimar; Henrique e Lucas Romero; Robinho, Arrascaeta e Rafael Sobis; Ramón Ábila. Para avançar, o Grêmio pode perder por um gol de diferença. Já o Cruzeiro, para se classificar, precisa derrotar o adversário por três gols de diferença, ou até dois de vantagem, mas desde que balance as redes do time gaúcho três vezes. Se devolver o placar de 2 a 0, a decisão da vaga será nos pênaltis. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Zagueiro do Inter traça estratégia pela vaga
A missão do Internacional no jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil não é a das mais fáceis. Apesar disso, Ernando se mantém confiante na classificação do Colorado nesta quarta-feira (2) em Belo Horizonte. Precisando reverter a derrota por 2 a 1 sofrida em Porto Alegre, o zagueiro traçou a estratégia para conquistar a vaga fora de casa. – Primeiro devemos não se expor tanto, segurar os 15 minutos iniciais para não levar o gol que dificultaria nossa missão. Temos que ter tranquilidade, tocar a bola, rodar bem... De repente, em uma bola parada a gente faz o primeiro gol... Temos que ter em mente que são 90 minutos para construirmos o placar que precisamos. O duelo que definirá um finalista da Copa do Brasil 2016 será disputado às 21h45 no Independência. Na outra semifinal, Grêmio e Cruzeiro disputam a outra vaga para a final, no mesmo horário, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Fonte: site oficial do Internacional Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Copa do Brasil: Galo reverteu placar em 2014
A missão do Cruzeiro na Copa do Brasil não é simples. Depois de ser derrotado pelo Grêmio no jogo de ida da semifinal por 2 a 0, a equipe celeste vai precisar reverter o placar em Porto Alegre para se classificar para final. Em toda a história da Copa do Brasil, apenas um time conseguiu reverter a vantagem de dois gols em uma semifinal. E foi justamente o grande rival da Raposa, o Atlético Mineiro. Na campanha do título de 2014, o Atlético Mineiro tinha o Flamengo pela frente nas semifinais. No jogo de ida, no Maracanã, o Galo perdeu por 2 a 0, e se viu em maus lençóis para reverter o placar no jogo de volta. O Alvinegro não marcou nenhum gol fora de casa, o que complicava ainda mais a situação da equipe comandada por Levir Culpi na ocasião. O jogo de volta foi no Mineirão. Com a torcida alvinegra acreditando na virada, o time entrou com sede de vitória. Diego Tardelli, Luan e Dátolo comandavam a equipe que viria a ser campeã contra o rival Cruzeiro na final. Em uma partida emocionante, o Galo conseguiu reverter o resultado contra o Fla em Belo Horizonte: 4 a 1, com gols de Carlos, Maicosuel, Dátolo e Luan, já nos minutos derradeiros do confronto. Além do Galo, outra equipe quase conseguiu realizar o mesmo feito e reverteu uma vantagem de dois gols da semifinal. Em 2008, o Vasco perdeu o primeiro jogo para o Sport por 2 a 0, assim como Cruzeiro e Atlético-MG. Entretanto, na partida decisiva, em São Januário, o Cruzmaltino devolveu o placar de 2 a 0. A decisão da vaga ficou para as penalidades, e com o erro fatal do ídolo Edmundo, o Vasco acabou eliminado por 5 a 4. A vitória deu ao Rubro-Negro a chance de disputar (e conquistar) o mais recente título nacional no clube. A missão é difícil, mas, no futebol, nada é impossível. Grêmio x Cruzeiro vai ser de tirar o fôlego de tricolores, celestes e torcidas de todas as camisas do Brasil. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Copa do Brasil: sorteio dos mandos na sexta-feira
O sorteio dos mandos de campo da final da Copa do Brasil será nesta sexta-feira (4), na sede da CBF, no Rio de Janeiro, às 9h (de Brasília). O evento terá transmissão da CBF TV pela internet e definirá a ordem dos mandantes na decisão da competição. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...